Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

16/02/2017

Nas bancas: Nova Marvel

Está já nas bancas novo lote das revistas brasileiras Nova Marvel, da Panini, com uma má notícia para os compradores habituais: os números 21 e 22 da revista Avante Vingadores! não serão distribuídos no nosso país, uma vez que não sobraram exemplares suficientes na origem...

 
 2,75 €                                 5,75 €

  
2,40 €                            2,40 €                                 2,40 €

(informação e imagens fornecidas pela editora; clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão)

7 comentários:

  1. Para adquirir edições marvel e dc da Panini,atuais e atrasadas,contatem a casa da BD em Lisboa. Sou cliente deles há mais de 10 anos, e tenho todas as edições. As revistas são novas,vem diretamente da editora.

    ResponderEliminar
  2. Reignfire16/2/17 23:15

    O Avante #20 saiu o mês passado. O #21 é que deveria sair este mês.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tens razão, Reignfire. Vão faltar a #21 e a #22. Já corrigi no texto.
      Boas leituras!

      Eliminar
  3. Reignfire16/2/17 23:25

    E já agora, o afirmar que a edição esgotou é desculpa esfarrapada da editora. Porque raio é que uma revista como Avante Vingadores iria esgotar ainda por cima em 2 números consecutivos? Se ainda fossem o #1 e o #2, se calhar até se compreendia. Hoje em dia as revistas da Panini se for preciso vendem 1/3 da tiragem ou pouco mais. Ainda por cima um título secundários dos Avengers. Na minha ótica a verdade é que alguém responsável se esqueceu de separar e enviar aquelas revistas e elas não vieram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a informação que recebi, Reignfire.
      Não sei se o conteúdo desses dois números justifica uma maior procura, se houve diminuição da tiragem ou se, como tu dizes, se esqueceram de a mandar - embora nesse caso pudessem resolver a questão num próximo contentor e em próxima distribuição...
      Infelizmente, desde sempre e distribuição de edições brasileiras no nosso país esteve sujeita às vendas na origem. Porque, o que cá chega são sobras e não uma parte da tiragem que tenha sido reservada para Portugal.
      Porque as vendas não o justificam? Porque as pessoas não comprar com medo que depois faltem números? É a velha questão 'pescadinha de rabo na boca'...
      Boas leituras!

      Eliminar
    2. Reignfire18/2/17 20:58

      Por acaso há vários anos tinha lido algures o contrário. Posso afirmar que nunca vi uma revista Panini com anotações de quiosques brasileiros ou coisa que o valha como acontecia com as revistas da Abril e da Globo. Também nunca vi uma revista de 148 páginas sem plástico.
      Isto é a 1º vez que acontece com Marvel, mas pelos vistos com as revistas do Maurício está sempre a acontecer. Aliás, aconteceu este mês.

      Eliminar
  4. O Reignfire tem toda a rezão quanto à justificação dada, pois no próprio site da panini é possível confirmar que ainda há títulos em stock (18/02/2017)

    http://www.paninicomics.com.br/web/guest/search_product?p_p_id=ns_negozio_searchItem_WAR_nsnegozio_INSTANCE_PX8h&p_p_lifecycle=1&p_p_state=normal&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-1&p_p_col_count=1&_ns_negozio_searchItem_WAR_nsnegozio_INSTANCE_PX8h__spage=%2Fportlet_action%2FdisplayItem%2FviewSearch

    Aqui na Madeira, local onde trabalho, estive quase dois anos sem receber a revista dos vingadores. Só começou a sair a partir do nº 23....acho que é um exemplo perfeito para questionar esta situação.
    De qualquer modo um grande obrigado ao Pedro pelas informações dadas.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...