Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

14/05/2017

Leituras Novas: Documenta

 
(informações disponibilizadas no site da editora)

Quino: 60 Anos de Humor
Livro publicado por ocasião da exposição «Quino 60 anos de humor», do artista vencedor da 18.ª edição da Cartoon Xira e apresentada entre 22 de Abril e 28 de Maio de 2017 no Celeiro da Patriarcal, em Vila Franca de Xira.
O humor de Quino é antiutópico. Este mundo não lhe permite alentar qualquer esperança. Ele não pode oferecer vidros coloridos. Que o façam os outros. Ele expõe a impossibilidade do homem no mundo mercantilizado, mecanizado, caótico, doente, egoísta, competitivo e frio do capitalismo. As suas notas também atingem a massificação e o autoritarismo dos regimes colectivistas. […]
Se o mundo é assim como Quino diz que é, é preciso fazer algo. E aqui reside a glória de um grande artista: mostrar-nos o horror do dia-a-dia, o intolerável do que é aceite, o pesadelo que habita o sonho, a impossibilidade – neste mundo já decidido – de tudo o que podemos amar. Quino não desenha utopias. Não acredita – suponho – que o futuro trará certamente algo de melhor. No entanto, o impiedoso presente que desenha só nos pode levar a querer mudá-lo. Toda a mudança implica imaginar um futuro diferente. Quino impele-nos a isso: ao futuro, à coragem, às nossas mais verdadeiras potencialidades. Assim, e não paradoxalmente, a sua negrura, o seu impiedoso cepticismo transforma-se em prática. [José Pablo Feinmann]

 

 
Organização: António Antunes
Apresentação: José Pablo Feinmann
Editora: Documenta
Data: Abril de 2017
Acabamento: Encadernado
Formato: 16,5 × 22 cm
Páginas: 120
EAN: 9789898834683
Preço: 15,00 €
Edição bilingue: português-inglês.
Em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Franca de Xira


Cartoons do Ano 2016
André Carrilho, António Antunes , António Jorge Gonçalves, António Maia, Augusto Cid, Carlos Brito, Cristiano Salgado, Cristina Sampaio, José Bandeira, Rodrigo de Matos e Vasco Gargalo

Livro publicado por ocasião da exposição «Cartoons do ano 2016», apresentada entre 22 de Abril e 28 de Maio de 2017 no Celeiro da Patriarcal, em Vila Franca de Xira.
2016 mostrou-nos um mundo a precisar de sarar as feridas. Algumas antigas, do Vietnam ao Japão, de Cuba ao Irão. Barack Obama deu passos em direcções prometedoras. Mas há demasiadas feridas abertas, da Síria ao terrorismo sem fronteiras. Velhos e novos ditadores num mundo que começou a erguer barreiras à globalização. [...] O cartoon é uma janela rasgada sobre o nosso mundo. Não precisa de muitos artifícios para nos fazer rir (tantas vezes de nós próprios), para nos fazer pensar, para arranhar a indiferença e a prepotência. É um exercício de liberdade tão incómodo como imprescindível para aferirmos a nossa liberdade. [António José Teixeira]


 

 
Organização: António Antunes
Apresentação: António José Teixeira, António Lima, José António Lima
Editora: Documenta
Data: Abril de 2017
Acabamento: Encadernado
Formato: 16,5 × 22 cm
Páginas: 128
EAN: 9789898834676
Preço: 15,00 €
Edição bilingue: português-inglês.
Em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Franca de Xira

(imagens disponibilizadas no site da editora, onde existem mais disponíveis; clicar nelas para as aproveitar em toda a sua extensão)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...