Este blog está correctamente escrito em português, à revelia do triste acordo ortográfico em vigor.

27/03/2018

Olimpo Tropical


Regresso à favela



Tal como André Diniz, aqui (bem) acompanhado por Laudo Ferreira - dois autores cujas obras tenho tentado acompanhar - regresso ao Rio de Janeiro.
Eu, depois de ontem ter destacado Carnaval Sauvage, Diniz após o seu premiado Morro da Favela e Que Deus te abandone.
Em comum a estas obras, as favelas do Rio como local da acção - e pouco mais.

26/03/2018

Rio #3: Carnaval Sauvage

Colagem à realidade



Depois da morte de Nina, co-protagonista inicial da série, esta centra-se no seu irmão, Rubens, e na situação político-social do Brasil, entre interesses económicos encapotados, corrupção política e policial, guerras de gangues pelo controle das favelas e do tráfico de armas e de drogas, numa mudança sensível de orientação, na qual é impossível não ver uma aproximação - mesmo que involuntária? - à situação actual naquele país.

21/03/2018

Wonderstruck - O Museu das Maravilhas


Dualidade




Por vezes há obras assim, que fogem às classificações tradicionais. Wonderstruck - O Museu das Maravilhas, chegada ontem às livrarias, à boleia do filme que estreia amanhã em Portugal, é um caso desses.
Não sendo banda desenhada nem prosa, combina inequivocamente esta última com narrativa gráfica sequencial com um resultado interessante.

14/03/2018

Leitura Nova: Nascida das Águas e o 16 de Março de 1974 (versão alargada)

(imagens e informação disponibilizadas pelo autor; clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão)

 
Lançamento:
Centro Cultural das Caldas da Rainha
16 de Março, 10h00
Com a presença de José Ruy e do Coronel Otelo Saraiva de Carvalho

13/03/2018

Thor: A deusa do Trovão


Mudança de sexo...





Fraco adepto dos constantes ‘baralha e volta a dar’ da Marvel, com as inerentes mudanças de origens, propósitos, ambientes e portadores dos fatos - aproximei-me desta nova fase de Thor com desconfiança e poucas expectativas.
Estava errado.

12/03/2018

Ecos Invisíveis


Silêncio(s)






Trabalho conjunto de dois autores ‘fetiche’ da Kingpin Books - Tony Sandoval e Grazia La Padula - Ecos Invisíveis oferece-nos o que era expectável de cada um destes dois autores, conseguindo fazer sobressair o melhor de ambos.

09/03/2018

Capitão Feio: Identidade


Feio e porco… mas mau?



Reinterpretar - gráfica e narrativamente - as personagens originais de Maurício de Sousa continua a ser um exercício desenvolvido com qualidade e bom gosto - assente  num exigente trabalho do editor! - por sucessivos autores brasileiros.
O Capitão Feio - a minha mais recente experiência nesta área, enquanto leitor - é mais um exemplo que, naturalmente, surge próximo dos comics de super-heróis.

08/03/2018

Torpedo 1972


Velho



Envelhecer é uma treta - e a questão da 'arte' outra treta, não controlamos (praticamente) nada. Envelhecer conscientemente pode ser assustador. Envelhecer é algo que nenhum de nós quer, mas que - no fundo - todos nós desejamos - porque a alternativa é ainda mais assustadora.
Torpedo envelheceu bem. Ou mal. Ou ambos. Torpedo envelheceu mau.

Leitura Nova: Torpedo 1972

06/03/2018

O Legado de Júpiter: Luta de poderes


Sem expectativas





Uma das coisas que mais aprecio - enquanto leitor - é ser surpreendido por obras sobre as quais não tinha expectativas.
Isso aconteceu - mais uma vez, embora seja cada vez mais raro, num tempo em que a informação circula velozmente e nos chega mesmo sem queremos - com este primeiro volume de O Legado de Júpiter.

05/03/2018

03/03/2018

Leituras Novas: Os Mauzões #1 e #2

(imagens e informação disponibilizadas pela editora; clicar nas imagens para as aproveitar em toda a sua extensão; ver algumas páginas do volume 1 aqui e do volume 2 aqui)
  
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...